4 de nov de 2011

A Filha do Coronel no IME

14 de out de 2011







Os Pinguins que mandagastar

18 de set de 2011

A g u a r d e m ! ! !

11 de set de 2011
O Mais novo trabalho da nossa companhia, estreia no colégio estadual de Ilhéus (27-09) e em outros colégios da cidade e em outubro ficará em cartaz em Itabuna, novembro estará em cartaz na Casa dos Artistas.

Jesus no Xadrez

28 de ago de 2011
 
 
Quando Palmeira das Antas,
Pertencia ao capitão “Justino Bento da Cruz”.
Nunca faltou diversão,
Vaquejada, cantoria, procissão e romaria.
Sexta-feira da paixão.

Na quinta-feira maior, no salão paroquial
Dona Maria das Dores reunia os moradores
Logo após uma pré-seleção ao lado do capitão.
Escalava-se a seleção de atrizes e atores.

O papel de cada um o capitão escolhia.
A roupa e a maquiagem eram com dona Maria.
O resto era discutido, aprovado e resolvido
Na sala da sacristia.

Todo ano tinha um Jesus, um Caifaz e um Pilatus.
Só não mudavam a cruz, o verdugo e os maus tratos.
O Jesus daquele ano, foi o Quincas beija-flor
Caifaz foi o Cipriano, Pilatus foi o Nicanor.

Duas cordas paralelas, separavam
A multidão, para que pudessem entre elas
Caminhar a procissão.
Cristo conduzindo a cruz, foi não foi advertia
Ao centurião perverso que com força lhe batia.
Era pra bater maneiro mas ele não entendia,
Devido ao grande pifão que bebeu naquele dia
Do vinho que o capelão guardava na sacristia.

Cristo dizia: - ô rapaz, vê se bate devagar,
Já to todo encalombado assim não vou agüentar.
Ta com a gota pra doer, ô tu para de bater,
Ô a gente vai brigar, jogo já essa cruz fora,
To ficando revoltado, vou morrer antes da hora
De ficar crucificado.

O pior era que o malvado fingia que não ouvia,
Além de bater com força ainda se divertia,
Espiava pra Jesus, fazia pouco e dizia:
-Que cristo frouxo é você que chora na procissão?
Jesus pelo que se sabe num era mole assim não!
Eu to batendo com pena, tu vai ver o que é bom
Na subida da ladeira da venda de Finelon,
O couro vai ser dobrado, daqui até o mercado
A cuíca muda o som!

Naquele momento, ouviu-se um grito da multidão.
Era Quincas que com raiva sacudiu a cruz no chão,
E partiu feito maluco pra cima de Bastião.
Se travaram no tabefe ponta pé e cabeçada...
Madalena levou queda, Pilatus levou pancada,
Deram um bufete em caifaz que até hoje não faz
Nem sente gosto de nada.

Desmancharam a procissão, o cacete foi pesado,
São Tomé levou um tranco que ficou desacordado,
Acertaram um cocorote na careca de Timote
Que até hoje é aluado.

Até mesmo São José, que não é de confusão,
Na ânsia de defender o filho de criação,
Aproveitou a garapa pra dar um monte de tapa
Na cara do bom ladrão.

A briga só terminou quando o doutor delegado,
Interviu e separou cada santo pro seu lado.
Desde que o mundo se fez, essa foi a primeira vez
Que cristo foi pro xadrez mas não foi crucificado.
 
AUTOR: CHICO PEDROSA

Dia 11 no Oyama ! ! !

6 de ago de 2011
Pela primeira vez, O Oyama de Feira de Santana recebe o espetáculo Show de Humor da Cia Casa Aberta de Teatro da cidade de Ilhéus, o espetáculo é em comemoração ao dia do estudante para os alunos do Colégio Militar, a peça é da direção da CCAT e do texto de Guimarães Neto, o texto que envolve sete personagens peculiares que fala sobre valores humanos preconceito social e critica política.

Nosso 1° Projeto Aprovado

13 de jul de 2011
Nós estamos muito felizes em passar neste edital  (PROCULTURA) tão concorrido aqui em Feira de Santana, isso tem feito muito bem para nós e também para toda nossa companhia de teatro, essa aprovação é um incentivo  que vem para mostrar que apesar de todos os contras, existem pessoas que acreditam na cultura desse país, somos de Ilhéus e passamos aqui nessa cidade que nos recebeu de braços abertos, isso mostra que a arte é universal. 

                                                                                                                                                              Ruy Penalva

Jornal, Utopia Nacional,

16 de jun de 2011



Compre ja a sua !!!

10 de jun de 2011

Sucesso em Feira de Santana

30 de abr de 2011



 A Cia Cia  Casa Aberta de Teatro depois de destacar  o espetáculo de comedia  ``Arrocha Brasil´´, no dia 19 de fevereiro no teatro municipal de Ilhéus,  partiu para feira de Santana na realização do projeto teatro na aula que leva o teatro para dentro da escola, esse projeto foi criado em 2009  por Cristiane Passo produtora do Espaço Cultural Casa Aberta e realizado  pelo o grupo de teatro que apesar de estar fazendo um trabalho em outra região ainda reside no espaço, com um texto inovador a peça Show de Humor foi apresentada em todas as escolas aqui da cidade de ilhéus e também em  Itabuna, através do humor eles vão levando o seu trabalho para cada vez mais jovens da Bahia, com o apoio da Prefeitura Municipal de Feira de Santana e do Secretário de Educação:José Raimundo de Azevedo, esses talentosos atores vão de vento em polpa conquistando a cidade princesinha do sertão, eles ficarão na cidade até o mês de novembro quando se encerra o projeto em Feira de Santana e começa em Salvador até  2012

Os rapazes da CCAT (Cia Casa Aberta de Teatro) ganharam destaque através do seu humor irreverente, criticando a política da cidade, usando o teatro para reivindicar melhorias para a população denunciando buracos e alagamentos atreves de suas peças , o projeto da fundação cultural com o incentivo da prefeitura municipal de Ilhéus, a famosa Caravana Cultural,  ampliou seu trabalho fazendo com que toda cidade tomasse conhecimento do grupo, porque eles trabalhos com uma comédia inovadora, uma critica social sarcástica, mas com muito bom humor, onde vem encantando a todos por onde passa e com isso  incentivando os alunos a refletir sob a sociedade que vivemos hoje, a Companhia hoje é formado por: Ruy Penalva, Germano Lopes, Mauricio Lima, Nazio Santana, André Loretz, Julio César  e Silvestre Guedes são oriundos da cidade de Ilhéus  

Pé na estrada

12 de mar de 2011
                       Pés no chão, cabeça nas estrelas.
 

É, a dor do parto é grande mas temos que partir, vou tentar falar pela CCAT (Cia Casa Aberta de Teatro). Não sei se sou a melhor pessoa para falar por todos, mas é isso, sobrou pra mim.
No dia 19 fevereiro realizamos nosso espetáculo de comédia (Arrocha Brasil) com a casa lotada (Teatro Municipal de Ilhéus) e por pouco o povo não morreu de humorragia. 
O ano passado nos realizamos o projeto Teatro na Aula, que leva o teatro para dentro da escola, apresentando um humor crítico social moderado, devido ao local que está sendo mostrado, e também fizemos parte do bonito projeto caravana cultural, que leva dança, teatro, musica e oficinas de diversas modalidades para todos os bairros e distritos da nossa cidade - teve distritos que de tão longe foi preciso dormir por lá. Apesar de , até hoje , não termos recebido todo pagamento , foi bom por que teve uma harmonia entre todos que ali estavam, e esse tipo de experiencia você leva para toda sua vida. Posso dizer que foi um ano de 2010 com muito trabalho e muitas brigas até por que elas também fazem parte  do nosso dia-a-dia, e com tudo isso estamos unidos na medida do possível, apesar de toda turbulência como: falta de dinheiro, de paciência um com outro, temos um trabalho que é algo bonito  e os desentendimentos são algo que não nos tira o foco e nem a fé, acreditamos em Deus do fundo dos nossos corações, porem acreditamos  também em nossa garra, e que o destino fazemos dia após dia, temos a certeza que o que cai do céu é chuva.

Agora em 2011 vamos fazer uma temporada em Feira de Santana patrocinado por Deus e Jesus Cristo e nossa fé, sem medo nenhum , por que  acreditamos que antes que alguém acredite em nós, temos que acreditar primeiro.  E de lá vamos para Salvador, nós somos do tamanho dos nossos sonhos e sonhamos cada vez mais alto.
O Teatro está em nosso DNA , é uma paixão inexplicável, uma emoção que é preciso sentir para poder falar. Quando subo no palco e as luzes estão apagadas e  o canhão de luz cega-me os olhos, é um momento meu, e mesmo que eu não possa ver ninguém, posso sentir todos ali , transmitido uma energia positiva formando um só corpo, plateia e ator na mesma vibe: é realmente  muito prazeroso, e para entender melhor é preciso subir lá.

                                                                                     Ruy Penalva.                                     fotos: Sabrine Robra

Segure sua Dentadura

5 de fev de 2011

                   E l e s      e s t ã o      d e    v o l t a !!!

A Cia Casa Aberta de Teatro estréia sábado dia 19 de fevereiro no Teatro Municipal de Ilhéus a sua mais nova comédia `` ARROCHA BRASIL´´ escrito e dirigido por Guimarães Neto, o espetáculo é formado por seis esquetes que fazem  inteligentes criticas incessantes a sociedade, com a duração de 1:30h, satirizam diversos meios sócias. Os rapazes da famosa CCAT (Cia Casa Aberta de Teatro) vêm mostrando para que vieram e com isso surpreendendo a todos com seus textos hilários , com uma critica de qualidade eles dominam uma maneira irreverente de fazer o povo rir, todo trabalho que montam é voltado para reivindicar ou defender alguma classe trabalhista, com um grande apelo social eles ganham o público e também alguns patrocínios (coisa que hoje em dia até parece comédia) de empresários que conhecem e apostam no talento da nova cara do humor baiano, com um formato de teatro inspirado no sul do Brasil, eles montaram este espetáculo com apenas personagens irreverentes do cotidiano, quatro atores em cena se desdobram em mais 13 personagens levando a platéia a uma verdadeira “humorragia”. O grupo é formado por onze jovens: Larissa Prates, Larissa Canton, André Loretz, Nazio Santana, Marcelo Brandão Gilberto Santos, Ana Carolina e no palco estão: Mauricio Lima, Ruy Penalva, André Rocha e Germano Lopes,

Eu quero agradecer pela confiança em nosso trabalho, porque sabemos como é difícil trabalhar com cultura não só em Ilhéus como em qualquer outra cidade, e esse espetáculo só está sendo realizado graças aos amigos que apoiaram e apostaram em nosso talento e trabalho, HOT DOG BICUDO, vocês do Diário de Ilhéus que sempre apóiam a cultura local, Dimonn, Esporte Lazer, Info world, Mauro (Impre Forte), Nova Schin, Lojas Wense, A Jóia de Ilhéus, A Luciano D´luca, Mauricio Corso, Romualdo Lisboa, por ter sempre nos incentivado, Pawlo Cidade,Cristiane Passos, André Rosa, Rildo Mota, Nacif Créd, Gil Gomes, Maltez de Ataíde e todos os outros amigos responsáveis por todo esse evento bonito que acontecerá no dia 19 de fevereiro. Dito por: Ruy Penalva
e para quem acompanha o trabalho da Cia vai assistir a mais um bom espetáculo de comédia dessa moçada, e também ira se surpreender com  toda produção que eles vem arduamente trabalhando em segredo em sua sede (Espaço Cultural Casa Aberta) juntamente com sua equipe de produção: Eriksson Bastos, Fabiane Ribeiro, e Aloísio Soares.
A Cia que já existe a mais de Três anos, vem representando bem a região cacaueira, apesar de todas as dificuldades existentes no caminho de quem trilha o caminha de disseminar a cultura, eles enfrentam tudo pra mostrar o melhor de seus trabalhos. Com toda a experiência vivida pelo grupo, que já teve mais de trinta integrantes durante estes Três anos, eles contam com orgulho as dificuldades vencidas, uma delas foi a mudança do nome da Cia que antes era conhecida como Os Improvisados, mas graças ao acolhimento do Espaço Cultural Casa Aberta ( sede-Outeiro de São Sebastião), pois antes disto não havia lugar apropriado para seus ensaios
No ano passado, na cidade de Itabuna apresentamos o projeto escola ``VOLTE ÁS AULAS SORRINDO com espetáculo Show de Humor´´ que leva o teatro para dentro das escolas, com todos os seus aparatos (som, luz, panô e coxias) desenvolvido por nós com a ajuda de André Rosa e Cristiane Passos, onde tivemos o apoio de todos os diretores e coordenadores pedagógicos das instituições educacionais , com isso atingimos mais de cinco mil alunos e também representamos a nossa cidade no V festival Multiarte Firmino Rocha Com o espetáculo Riso de Quatro, como o único grupo de teatro de ilhéus no festival, a pesar das dificuldades meu colega de grupo, o ator, Ruy Penalva ganhou o troféu de melhor ator do festival
Dito por: Germano Lopes.
16 de jan de 2011

Você conheci a cia de: